Contra segunda onda da Covid e fim do auxílio, MTST lança nova campanha nacional de solidariedade

Brasil chega a 2021 em plena crise sanitária, social e sem governo federal

Na primeira campanha, em 2020, MTST ajudou cerca de 20 mil famílias; meta, agora, é chegar a 30 mil

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto abre o ano de 2021 mobilizando suas apoiadoras e apoiadores para colocar em prática a segunda fase do Fundo de Solidariedade Sem Teto. A campanha pretende alcançar 30 mil famílias carentes em Alagoas, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, São Paulo e Sergipe, a partir da doação de alimentos, kits de higiene, kits para gestantes e máscaras para evitar o contágio do vírus da Covid-19.

Logo que a pandemia alcançou o Brasil, em meados de março de 2020, o MTST se organizou para amenizar os efeitos da maior crise sanitária em décadas, que além de ameaçar a saúde afetou a renda e a sobrevivência de milhões de brasileiros e brasileiras. A desigualdade social também se fez presente dentre os afetados pelo novo Coronavírus, que vitimou em maior número as pessoas das periferias e de classe baixa, que já sofriam com comorbidades, que não puderam trabalhar de casa ou não tinham condições de realizar o distanciamento social de maneira efetiva.

Em 2020, 19.640 famílias foram contempladas com: 156.000 refeições, 220 toneladas de alimentos em cestas básicas, 110.030 máscaras, 15.740 kits de higiene e limpeza e 220 kits de gestantes

Para completar a equação, o país contou com a atuação desastrada e declaradamente sabotadora do pior presidente em todo o mundo no que se refere ao combate à pandemia. Dessa maneira, ficou claro que apenas a mobilização da sociedade civil seria capaz de atenuar a crise sanitária e social que marcou os últimos meses e, infelizmente, já levou em torno de 200 mil pessoas à morte. Tendo a solidariedade como princípio norteador, mais do que nunca, chegara o momento de ninguém largar a mão de ninguém – e esse momento continua.

Ajuda foi crucial para milhares em 2020

Ao longo do ano passado, cerca de R$ 1,2 milhão foi arrecadado pela vaquinha virtual do MTST, o que foi revertido na distribuição de 156 mil refeições, 220 toneladas de alimentos em cestas básicas, 110 mil máscaras, 15 mil kits de higiene e limpeza e 220 kits de gestantes. Marcas impressionantes e decisivas na sobrevivência com dignidade de 19.640 famílias carentes – incluindo a população em situação de rua. Tudo isso só foi possível com a aliança da sociedade e um dos maiores movimentos sociais do Brasil.

O trabalho de voluntários e militantes do MTST ultrapassou as doações e também abrangeu cozinhas comunitárias, atendimento médico e psicológico via whatsapp, auxílio jurídico, uma campanha pública contra despejos e, ainda, plantões de dúvidas sobre o auxílio emergencial – a ajuda financeira aprovada pelo governo federal contra a sua vontade, conquistada graças à pressão da opinião pública, associações, ONGs e o trabalho de deputados e senadores, em sua maioria de esquerda e progressistas.

Ano novo e um desafio maior

Com a chegada de 2021, o desafio para a população brasileira promete aumentar, tendo em vista a consolidação da segunda onda de contágios pela Covid-19 – com números cada vez mais altos, já comparáveis aos do ano passado – e o fim do auxílio emergencial, responsável por ajudar financeiramente mais de 68 milhões de pessoas – que, agora, devem ficar desamparadas. O Brasil ainda assiste a uma crise econômica e a taxas de desemprego recordes, mesmo subnotificadas, e sinais desencontrados sobre a vacinação.

Mais até do que em 2020, estamos num momento decisivo, em que a sociedade precisa permanecer unida e mobilizada para ajudar os mais carentes e afetados. A onda de solidariedade que se viu nos primeiros meses da pandemia não pode arrefecer, e o trabalho do MTST, fazendo o que o governo não faz, tem de continuar.

Por isso, toda contribuição ao Fundo de Solidariedade Sem Teto se faz essencial e necessária. Acesse o link da vaquinha e colabore com a luta de milhões: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/fundo-de-solidariedade-para-as-familias-sem-teto .

MTST, A LUTA É PRA VALER!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *