Polícia reintegra agressivamente posse de escola ocupada

Fonte: Mídia Ninja

Por Matheus Alves  

Há 5 dias ocupando, os estudantes secundaristas do Centro de Ensino do Lago Norte (CEDLAN), foram surpreendidos com a chegada da Polícia Militar às 8h da manhã, que chegou acompanhada de dois oficiais de justiça que notificaram a desocupação através de uma ordem judicial.

Em forma de resistência, os secundas decidiram se acorrentar em grades para que a Polícia não os retirasse. Silenciosos, quietos, acorrentados em árvores e ferros da escola, o comandante da PMDF​ deu ordem para que os próprios soldados retirassem as correntes dos alunos, que ficaram machucados pela força usada no ato.

Um menor foi apreendido arbitrariamente por desacato e resistência, por somente reclamar da dor que sentia enquanto vários soldados forçavam a retirada da corrente que o prendia pelo pulso à um corrimão de uma das rampas da escola. Após isso, outros alunos e apoiadores fizeram um cordão em volta da viatura policial em que ele foi colocado, para impedir a aburda apreensão, mas mesmo assim a PMDF forçou a retirada dos secundaristas usando brutalidade.

A Mídia Ninja acompanhou a condução do secundarista apreendido até à Delegacia da Criança e Adolescente, na Asa Sul, onde prestou depoimento e está a caminho do IML para fazer um exame de corpo e delito por conta dos machucados causados pela algema colocada brutalmente pelos PMs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *