OCUPAR, RESISTIR E CONQUISTAR: Um final de semana de assembleias vitoriosas para o MTST

Movimento dos Trabalhadores Sem Teto anunciou a conquista de terrenos para a construção de moradias referentes a quatro de seus acampamentos

Além de Dandara, Oziel Alves e Anastácia, a Povo Sem Medo de SBC também foi vitoriosa — sua luta, iniciada há mais de 8 meses, virou notícia em todo o Brasil

Multidão compareceu ao terreno de uma das maiores ocupações da América Latina — a PSM de São Bernardo venceu!

O último domingo, 18 de março, foi marcado por uma rodada de assembleias vitoriosas para as ocupações Anastácia, Dandara (ambas na zona leste de São Paulo), Oziel Alves (Mauá) e Povo Sem Medo de São Bernardo (ABC). A maior parte das conquistas anunciadas foi comunicada pelo coordenador nacional do movimento e pré-candidato à presidência do Brasil pelo PSOL, Guilherme Boulos.

Em sua assembleia, a Ocupação Anastácia inaugurou o final de semana de conquistas anunciando que os lotes para construção deverão ser oficializados em breve com o decreto de lei assinado pelo governo do estado de São Paulo e pela prefeitura paulistana, o que permitirá a urbanização de todo o terreno para as futuras edificações.

Assembleia da vitória na Ocupação Anastácia, zona leste paulistana

A Ocupação Dandara recebeu com muita alegria a notícia sobre a contratação do projeto de construção de moradias pelo programa “Minha Casa, Minha Vida – Entidades” que, provavelmente, deve se iniciar já em maio.

Foi reforçada a importância da presença de todas e todos no ato do dia 21 contra a diminuição das linhas de ônibus pela prefeitura de São Paulo. A manifestação está marcada para as 15 horas, na praça da República, centro da cidade.

Queima de fogos, cantoria e muita emoção no anúncio das conquistas

Os guerreiros e guerreiras da Oziel Alves também receberam a notícia da vitória, a conquista de um amplo terreno, em conjunto com a Ocupação Povo Sem Medo de São Bernardo. Foi relembrada a trajetória de luta das ocupações e do movimento nos últimos tempos: participação nos inúmeros atos, os 22 dias de acampamento na avenida Paulista, além do agradecimento especial aos coordenadores e coordenadoras.

Em São Bernardo do Campo, milhares de acampados e acampadas aguardavam emocionados o anúncio do acordo firmado entre o governo estadual e o MTST. Boulos iniciou sua fala frisando que o movimento venceu a resistência do poder público e, assim, conquistou quatro terrenos para a construção das moradias.

Vitoriosas da Ocupação Oziel Alves

Houve uma grande queima de fogos acompanhada pelo canto de todos aqueles que resistiram bravamente aos mais de oito meses de sol, chuva e, principalmente, preconceito social — logo nas primeiras semanas, um acampado foi atingido por um tiro de arma de pressão disparado por vizinhos, que também haviam se mobilizado contra a ocupação no ABC.

Essa assinatura não é minha, é de todos nós. Todos nós estamos assinando juntos esse acordo.” – afirmou Boulos, num momento em que milhares de abraços, lágrimas e alegria se espalhavam pela extensão do já histórico acampamento da PSM de São Bernardo.

Homenagem a Marielle e Anderson

Destaque em todas as assembleias do MTST para a homenagem à vereadora Marielle Franco e ao motorista Anderson Pedro Gomes, executados a tiros na quarta-feira, 14 de março, no Rio de Janeiro. A lembrança da combativa vereadora do PSOL carioca — atuante nos direitos humanos e crítica da militarização do Rio — levou muita emoção a todos e todas, durante um minuto de aplausos.

Todas as ações e sentimentos expostos nas assembleias demonstraram a luta e resistência forjados num espaço de construção amorosa e vitoriosa. Agora, saem as lonas e entram os tijolos. Parabéns, MTST.

MTST, a luta é pra valer!
Marielle, presente! Agora e sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.