Nota oficial do MTST sobre a acusação por invasão ao triplex do Guarujá

Recebemos com espanto a notícia do acolhimento da denúncia contra Guilherme Boulos e mais dois militantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) na noite desta quinta-feira (25) pela Justiça Federal.

O caso é uma aberração jurídica, agora legitimada pela Justiça Federal. Trata-se de um processo farsesco e viciado, iniciado por uma denúncia inconsistente.

Militantes do MTST que participaram de manifestação política da Frente Povo Sem Medo juntamente com dezenas de ativistas estão sendo criminalizados por terem denunciado a persecutória e injustiça condenação do ex- presidente Lula no caso do Triplex, amplamente revelada na sequencia pelos vazamentos da Vaza Jato.

Mais uma vez, utiliza-se dos excessos e abusos perpetrados pela Operação Lava Jato com o fim de instrumentalizar a justiça para fins políticos.

Por isso, advogados do MTST defendem a absoluta inocência dos militantes envolvidos e combaterão a decisão pelos meios legais. O recebimento da denúncia foi claramente equivocado e certamente será revisto pelas instâncias superiores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *